Declaração do CEPS-BR sobre os 56 anos dos trabalhos de KIM JONG IL no Partido do Trabalho da Coreia

Discurso lido na reunião online promovida pela Associação de Amizade com a Coreia do Reino Unido em razão do 56º aniversário do início das atividades de KIM JONG IL no Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia

19 de junho de 2020

Respeitados camaradas,

Continuar lendo “Declaração do CEPS-BR sobre os 56 anos dos trabalhos de KIM JONG IL no Partido do Trabalho da Coreia”

Exposição virtual homenageia Kim Jong Il da Coreia Socialista

O dia de hoje, 19 de junho, marca o 56º aniversário do início dos trabalhos do camarada Kim Jong Il no Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia.

Por essa razão, o Centro de Estudos da Política Songun do Brasil, em parceria com o site Conheça Coreia, e contando com o acervo cedido pela Editoras de Línguas Estrangeiras da RPDC, lança a exposição virtual de fotografias “Eterno Secretário Geral do Partido do Trabalho da Coreia”.

Você pode acessar a exposição virtual clicando aqui.

Continuar lendo “Exposição virtual homenageia Kim Jong Il da Coreia Socialista”

A contribuição de Kim Il Sung para a África

Em julho de 2019, foi publicado no site The Herald, um dos maiores jornais do Zimbábue, um artigo chamado “Kim Il Sung’s contribution to Africa”. Por sua grande importância histórica, resolvemos traduzir o artigo e publicá-lo a seguir:

A contribuição de Kim Il Sung para a África

A África, que esteve sob comando colonial e era uma base de suprimento de petróleo e outros materiais, um lugar onde o atraso e a pobreza prevaleciam, está agora se tornando um continente desenvolvido em sua trajetória de independência, um continente que está conquistando a prosperidade pelos seus próprios esforços.

Continuar lendo “A contribuição de Kim Il Sung para a África”

Um tesouro do mundo matemático coreano

Kim Ji Jong o pioneiro da Matemática moderna na Coreia, o primeiro acadêmico de Matemática da RPDC e um dos intelectuais que se dedicou à educação e ao desenvolvimento da matemática.

Ele nasceu em Pyongyang em 8 de abril de 1910.

Ele era muito entusiasmado com o aprendizado. Após se formar na então escola secundária de Pyongyang, ele continuou seus estudos sob adversidade em um país estrangeiro. Enquanto fazia trabalhos de meio período como tutor, dedicou-se aos estudos e ficou famoso como um talento durante seus dias na universidade.

Continuar lendo “Um tesouro do mundo matemático coreano”

O dia que a Coreia do Norte admitiu que errou (e pediu desculpas)

Muito se fala que a Coreia do Norte é um Estado totalitário no qual a mídia é controlada pelo governo, que nenhuma informação ruim sobre o regime é divulgada e que os líderes do país são 24 horas por dia venerados como “perfeitos”.

Acontece que, confrontada com a realidade, essa afirmação não parece ir muito além de uma mentira.

Continuar lendo “O dia que a Coreia do Norte admitiu que errou (e pediu desculpas)”

Há 40 anos o governo sul-coreano massacrava seu povo em Kwangju

40 anos do Massacre de Kwangju: o dia que o governo da Coreia do Sul massacrou seus cidadãos (e o mundo esqueceu).

O dia 18 de maio de 2020 marca os 40 anos do início do Massacre de Kwangju, uma série de repressões do governo sul-coreano em 1980 contra a população da cidade de Kwangju, que se rebelou contra o regime autoritário.

Após a Guerra da Coreia, a Coreia do Sul mergulhou em obscuros anos de sucessivos golpes militares e regimes totalitários que perseguiam sistematicamente movimentos operários, estudantis, pró-democracia e pró-reunificação. Um dos piores ditadores da Coreia do Sul foi Park Chung Hee, que ficou quase 20 anos no poder. Ele saiu da presidência morto em um atentato e logo em seguida um golpe militar levou ao poder Chun Doo Hwan, major-general apoiado pelos Estados Unidos.

Continuar lendo “Há 40 anos o governo sul-coreano massacrava seu povo em Kwangju”

Confira nossa live com João Carvalho da Revolushow

No dia 30 de abril de 2020, o camarada Lucas Rubio, Presidente do Centro de Estudos da Política Songun do Brasil, participou de uma transmissão ao vivo com o camarada João Carvalho, do canal “Assim disse o João” e membro do conhecido podcast Revolushow.

A transmissão, que tratou da Revolução na Coreia Popular, foi muito bem recebida pelo público e você pode vê-la completa a seguir:

As indicações de livros citados durante o programa podem ser conferidas em nossa página “Livros”.

________
CEPS-BR

Confira a entrevista do CEPS-BR para rádio do Uruguai

No dia 15 de abril de 2020, em razão do 108º aniversário de nascimento do Presidente Kim Il Sung, a rádio CX36 Radio Centenario de Montevideo, que transmite para o Uruguai e toda a América Latina, entrevistou o camarada Lucas Rubio do Centro de Estudos da Política Songun do Brasil.

A entrevista, conduzida pelo radialista Hernán Salina, falou sobre a vida revolucionária do Presidente Kim Il Sung e também abordou o processo socialista da Coreia. O camarada Lucas Rubio também falou das suas experiências durante a visita que realizou ao país em 2018.

Continuar lendo “Confira a entrevista do CEPS-BR para rádio do Uruguai”

O significado histórico mundial da atividade revolucionária do Grande Líder, camarada KIM IL SUNG

Por Dermot Hudson

Inglaterra, 01.04.2017

Em 15 de abril, conhecido como o dia do Sol pelo povo coreano e pelo mundo, o 105º aniversário do nascimento do Grande Líder Presidente Kim Il Sung será comemorado não somente em Pyongyang, capital da Coreia do Juche e capital da revolução mundial, mas em todo o globo.

O Grande Líder camarada Kim Il Sung foi o pai da Coreia socialista, libertador do povo coreano, um grande teórico e ideólogo, um comandante brilhante sempre vitorioso com vontade de ferro, e o grande líder da revolução mundial.

Continuar lendo “O significado histórico mundial da atividade revolucionária do Grande Líder, camarada KIM IL SUNG”

Kim Il Sung – o maestro da autossuficiência

Hoje, dia 15 de Abril, é um dia de festa na Coreia Popular. Comemora-se nessa data o aniversário de nascimento do grande líder Kim Il Sung, fundador da República Popular Democrática da Coreia, do Partido do Trabalho da Coreia – PTC e do Exército Popular da Coreia.

Ao contrário de todos os anos anteriores, os festejos não serão grandiosos com manifestações em defesa da pátria e de seu líder maior com grande participação de representantes estrangeiros, com  música e danças tradicionais populares nas ruas de Pyongyang ou grandes apresentações de peças teatrais, canto com lindos corais e orquestras, ou os grandes  shows da Banda Moranbong, um dos mais famosos grupos musicais composto só mulheres musicistas e cantoras. Vivemos tempos de coronavírus, e a Coreia também se previne e cuida para que sua população se mantenha saudável.

Continuar lendo “Kim Il Sung – o maestro da autossuficiência”