KIM JONG UN visita a Coreia do Sul

Cúpula histórica dá início a nova era de reconciliação, unidade, paz e prosperidade da nação coreana.

kim-jong-un-moon-jae-in-gty-jt-180504_hpMain_16x9_1600

O Máximo Dirigente Kim Jong Un, Presidente do Partido do Trabalho da Coreia e Presidente da Comissão de Assuntos Estatais da República Popular Democrática da Coreia, saiu no dia 27 de abril de 2018 para Panmunjom para participar do histórico encontro e conversações da Cúpula Norte-Sul da Coreia.

Às 9 da manhã, o Máximo Dirigente deixou o pavilhão de Phanmun junto com os quadros do Partido, do governo e do exército e chegou ante à linha divisória de Panmunjom.

Para recebê-lo, o Presidente da Coreia do Sul, Moon Jae In, foi até a linha divisória de Panmunjom.

Os líderes do Norte e do Sul da Coreia trocaram saudações e se cumprimentaram.

Logo ao passar a linha divisória, o Máximo Dirigente teve uma fotografia tirada junto ao Presidente sul coreano tendo como fundo o Pavilhão Phanmun da região norte e a “Casa da Liberdade” da região sul, respectivamente.

Depois de se cumprimentarem na região norte cruzando a linha divisória, eles se dirigiram para a parte sul de Panmunjom.

Kim Jong Un é recebido por Moon Jae In

180428-eca1b0ec84a0ec9d98-ec98a4eb8a98-kim-jong-un-gipfeltreffen-01-05-ebafbceca1b1ec9d98-ed9994ed95b4eb8ba8ed95a9eab3bc-ed8f89ed9994ebb2886

O Máximo Dirigente Kim Jong Un se dirigiu junto com o Presidente da Coreia do Sul, Moon Jae In, para a “Casa da Paz” da parte sul, passando a linha divisória de Panmunjom.

As personalidades de ambas partes coreanas receberam com aplausos entusiastas os líderes que deram o primeiro passo significativo para reconciliação e unidade da nação.

As crianças coreanas deram ramos de flores ao Máximo Dirigente.

Os máximos líderes de ambas partes coreanas se dirigiram ao lugar de revista da “Guarda de Honra do Exército Nacional” na companhia da escolta da “Guarda de Honra Tradicional”.

Na praça da “Casa da Paz” estavam enfileiradas a Banda Militar, a Guarda de Honra das Forças Terrestres, Navais e Aéreas, a Guarda de Honra Tradicional e a Banda Tradicional.

Quando o Máximo Dirigente e o Presidente da Coreia do Sul subiram para a tribuna de revista, o chefe da Guarda de Honra do Exército Nacional deu a recepção e a Banda Militar interpretou a música de boas vindas.

O Máximo Dirigente passou revista junto com o Presidente sul coreano à Guarda de Honra do Exército Nacional e a Guarda de Honra Tradicional.

12-38-51519529605-800x445

O Presidente sul coreano apresentou as personalidades sul coreanas ao Máximo Dirigente e este as cumprimentou.

O Presidente sul coreano trocou saudações e cumprimentou os quadros norte coreanos.

As personalidades do Norte e do Sul tiveram uma fotografia tirada junto aos líderes de ambas partes.

Na ocasião participaram pela parte norte coreana, Kim Yong Nam, membro do Presidium do Bureau Político do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia e Presidente do Presidium da Assembleia Popular Suprema da República Popular Democrática da Coreia, os quadros do Partido e do Governo, Ri Su Yong, Kim Yong Chol, Ri Yong Ho, Choe Hwi, Kim Yo Jong e Ri Son Gwon e os quadros de órgãos das forças armadas, Ri Myong Su e Pak Yong Sik.

15-213-3

Estiveram presentes pela parte sul coreana, Im Jong Sok, Chefe de Gabinete dos Secretários de Chongwadae, Jong Ui Yong, Chefe do Escritório de Segurança Nacional, So Hun, Presidente do Serviço Nacional de Inteligência, Jo Myong Gyun, Ministro da Unificação, Song Yong Mu, Ministro da Defesa, Kang Kyong Hwa, Ministra das Relações Exteriores, Jong Kyong Du, Presidente da Junta de Chefes de Estado Maior, e Yun Yong Chan, Secretário Superior de Comunicação com o povo do Gabinete de Secretários de Chongwadae.

Kim Jong Un conversa com Moon Jae In na “Casa da Paz”.

8-7

Ocorreram na “Casa da Paz” na parte sul de Panmunjom as conversações entre o Máximo Dirigente Kim Jong Un e o Presidente Moon Jae In.

Na ocasião estiveram presentes pela parte norte coreana o Vice Presidente do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia, Kim Yong Chol, e a Vice Diretora de Departamento do Comitê Central do PTC, Kim Yo Jong.

Pela parte sul coreana, participaram o Chefe de Gabinete dos Secretários de Chongwadae, Im Jong Sok, e o Presidente do Serviço Nacional de Inteligência, So Hun.

Na reunião houve o intercâmbio de opiniões francas e sinceras sobre os problemas de interesse mútuo tais como as relações Norte-Sul, o asseguramento da paz na Península Coreana e a desnuclearização desta zona.

9-5

Ao referir-se ao encontrou muito significativo com o Presidente Moon Jae In em Panmunjom, símbolo da divisão nacional e enfrentamento, o Máximo Dirigente disse que esta mesma reunião em tal lugar especial será uma oportunidade que irá inspirar todo o povo com esperança e sonho sobre o futuro.

Apontando que se compromete uma vez mais com a missão nacional e a obrigação de abrir a nova era de paz e reunificação pondo ponto final na historia de divisão e confrontação, expressou que foi a este lugar com a vontade de disparar a pistola de sinalização para o início da nova história.

O Presidente Moon Jae In disse que até o presente tempo estava esplêndido como se felicitasse o encontro e o momento em que foi cruzada a linha divisória de Panmunjom pelo Presidente da Comissão de Assuntos Estatais, Kim Jong Un, fez este lugar tornar-se um símbolo de paz.

Expressou alta avaliação para com a valente decisão do Presidente da CAE, Kim Jong Un, que fez possível a reunião de grande significado, e prosseguiu dizendo que espera que se construa confiança entre eles para o diálogo avançar.

Kim Jong Un e Moon Jae In chegaram a um consenso sobre os critérios nos problemas que surgem nas conversações e acordaram a se esforçarem juntos para abrir com inteligência a nova história das relações Norte-Sul e ampliar e desenvolver mais positivamente a corrente de paz, prosperidade e reunificação da Península Coreana, ao reunir-se com frequência para discutir com sinceridade os problemas pendentes e os assuntos importantes da nação.

Antes do diálogo, em memória ao histórico encontro de Cúpula Norte-Sul, Kim Jong Un escreveu no livro de visitas da “Casa da Paz”: “Desde agora a nova história. No ponto de partida da história, da época de paz. Kim Jong Un. Em 27 de abril de 2018″.

Em seguida, tirou uma foto de recordação com o Presidente Moon Jae In.

Kim Jong Un e Moon Jae In fazem o plantio memorável de uma árvore.

1-11

O Máximo Dirigente Kim Jong Un e o Presidente sul coreano Moon Jae In semearam como recordação do histórico encontro um pinheiro que simboliza a “paz e a prosperidade” em Panmunjom.

Eles mesclaram terras retiradas dos Montes Paektu e Halla, preparadas respectivamente, e usaram água dos rios Taedong e Han.

O Máximo Dirigente pronunciou palavras significativas de que há que cultivar excelentemente junto com esta árvore a melhoria das relações Norte-Sul preparadas com muito trabalho, com o espírito de servir-se de fertilizante e terra que cobre sua raiz preciosa e a posição de converter-se em quebra-ventos que tem de forjar juntos o futuro com firme espírito, com a tenacidade do pinheiro que mantém sua cor durante todas estações.

3-9

Foi levantada uma lápide simbólica com o nome de Kim Jong Un e Moon Jae In.

Os líderes do Norte e do Sul tiraram a tela de proteção da lápide.

Na lápide simbólica está escrito: “Plantamos paz e prosperidade.”

Depois de terminada a plantação, eles tiveram uma fotografia de recordação tirada como fundo a lápide significativa e o pinheiro.

E os acompanhantes tiraram uma foto junto com os líderes do Norte e do Sul da Coreia.

Kim Jong Un e Moon Jae In passearam conversando com sinceridade.

6-6

“Hoje, aqui, nós plantamos a paz”

Kim Jong Un e Moon Jae In assinam a Declaração de Panmunjom.

2-11

O Máximo Dirigente Kim Jong Un assinou junto com o Presidente Moon Jae In a Declaração de Panmunjom para a Paz, a Prosperidade e a Unificação da Península Coreana
e compartilhou o documento.

Em felicitação ao nascimento da histórica Declaração de Panmunjom, que reflete a unânime aspiração e demanda da nação coreana, os líderes de ambas partes tiraram uma foto de recordação e se abraçaram.

Na cerimônia de assinatura estiveram presentes pela parte norte coreana, Ri Su Yong e Kim Yong Chol, Vice Presidente do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia, Kim Yo Jong, Vice Diretora de Departamento do Comitê Central do PTC, Ri Son Gwon, Presidente do Comitê pela Reunificação Pacífica da Pátria, e Jo Yong Won, Vice Diretor de Departamento do PTC.

E participaram pela parte sul coreana, Im Jong Sok, Chefe de Gabinete dos Secretários de Chongwadae, Jong Ui Yong, Chefe do Escritório de Segurança Nacional, So Hun, Presidente do Serviço Nacional de Inteligência, Jo Myong Gyun, Ministro da Unificação, Song Yong Mu, Ministro da Defensa, Kang Kyong Hwa, Ministra das Relações Exteriores, e Yun Yong Chan, Secretário Superior de Comunicação com o povo do Gabinete de Secretários de Chongwadae.

Terminada a cerimônia, os signatários fizeram a publicação conjunta sobre a Declaração da Panmunjom.

3-114-10

6-8
Declaração ao público

Moon Jae In oferece jantar de honra a Kim Jong Un.

10-6.jpg

O Presidente Moon Jae In ofereceu na “Casa da Paz” um jantar para das as boas vindas pela visita do Máximo Dirigente Kim Jong Un ao lado sul.

Foram convidados para o jantar, a senhora Ri Sol Ju junto com Kim Yong Nam, membro do Presidium do Bureau Político do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia e Presidente do Presidium da Assembleia Popular Suprema da República Popular Democrática da Coreia, e os quadros do Partido e do Governo como Ri Su Yong, Kim Yong Chol, Choe Hwi, Kim Yo Jong e Ri Son Gwon e outros quadros e membros acompanhantes.

11-3

Estiveram presentes Im Jong Sok,Chefe de Gabinete dos Secretários de Chongwadae, Jong Ui Yong, Chefe do Escritório de Segurança Nacional, So Hun, Presidente do Serviço Nacional de Inteligência, Jo Myong Gyun, Ministro da Unificação, Song Yong Mu, Ministro da Defensa, Kang Kyong Hwa, Ministra das Relações Exteriores, representantes de vários partidos políticos, assim como os relacionados com as históricas Cúpulas Norte-Sul e outras personalidade de diferentes círculos da Coreia do Sul.

A senhora Ri Sol Ju foi recebida na “Casa da Paz” pelo Presidente Moon Jae In e sua esposa Kim Jong Suk.

Antes do jantar, as esposas dos líderes de ambas partes tiveram uma conversa cordial compartilhando o sentimento fraternal.

9-6

O Máximo Dirigente e sua esposa Ri Sol Ju expuseram ao Presidente Moon Jae In o profundo agradecimento por esta recepção opípara.

Frente à sede da recepção, Kim Jong Un e Moon Jae In trocaram saudações com personalidades sul coreanas.

Quando os líderes de ambas partes entraram na sala de banquete, todos os participantes deram efusivos aplausos aos homens que concluíram satisfatoriamente as históricas conversações de Panmunjom.

Antes de tudo, o Presidente Moon Jae In pronunciou o discurso de boas vindas.

Logo, o Máximo Dirigente Kim Jong Un fez o discurso de resposta, agradecendo-o.

Os pratos de sentido especial da parte Sul e os preparados em Pyongyang pelo Restaurante Okryu da parte Norte deixaram uma profunda impressão aos participantes.

O jantar ocorreu em ambiente fraternal.

Na ocasião foi oferecida uma apresentação de felicitação de artistas de ambas partes.

Kim Jong Un se despede de Moon Jae In

3-12

O Máximo Dirigente Kim Jong Un se despediu do Presidente Moon Jae In depois de terminar com êxito o histórico encontro e conversações da Cúpula Norte-Sul da Coreia.

Quando o Máximo Dirigente Kim Jong Un e sua esposa Ri Sol Ju saíram da “Casa da Paz” junto com Moon Jae In e sua esposa Kim Jong Suk, as personalidades de ambas partes coreanas deram-lhes aplausos efusivos.

O Máximo Dirigente e Moon Jae In junto com suas respectivas esposas tomaram os assentos ao ar livre reservados para eles e assistiram a apresentação de despedida “Uma primavera”, preparada pela parte Sul.

Terminada a apresentação, Kim Jong Un e Moon Jae In trocaram saudações de despedida com as personalidades de ambas partes coreanas, cumprimentando-as.

Os líderes de ambas partes se despediram cordialmente.

O Máximo Dirigente partiu da “Casa da Paz” recebendo a despedida das personalidades sul coreanas.

1-157-94-115-106-9

(Tradução do artigo publicado por KCNA)

_____________________

Do blog A Voz do Povo de 1945

1

 

 

 

 

Um comentário em “KIM JONG UN visita a Coreia do Sul

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s